quarta-feira, 12 de setembro de 2012

Exclusivo: agricultor catarinense e seu contato extraterrestre

 Agricultor catarinense alerta sobre o alinhamento planetário e seus contatos com seres intergaláticos


"Feliz daquele que acredita que quando chegar a hora, ele já tá preparado". 
Alcindo Savaris



Por Ivo Hugo Döhl


Estive no sábado, dia 08 de setembro em Rancho Grande, interior de Ouro, para buscar informações com o agricultor Alcindo Savaris, de 56 anos que mantém viva sua história de contatos descritos por ele com seres interplanetários que telepaticamente repassam orientações sobre datas, mudanças no planeta e acima de tudo hoje sobre o alinhamento planetário universal.
 Em meio a números, gráficos e pinturas, Alcindo Savaris aponta que se muda tanta coisa, vivemos em meio à ciência e tecnologia com potencial em alto desenvolvimento, mas diante do alinhamento planetário ninguém pode interferir. Fala-se em fim de mundo no dia 21 de dezembro, nenhum ser humano pode falar sobre o fim do mundo. Acabam-se outras coisas é fim disso ou daquilo, mas destruir um planeta como qualquer objeto não é assim como tantos falam. A terra vai continuar. Quem tem contas a pagar dia 22 de dezembro, pode guardar seu dinheiro que o mundo vai seguir seu curso.

Datas - Savaris mostra um gráfico dizendo que em 2002 recebeu uma orientação para acompanhar o enquadramento de datas, numa escala de 10 anos seguindo o alinhamento de 20.02 – 2002 ; 21.12 – 2012  e 21.12 – 2112. Segundo agricultor é nesta data que se chega ao alinhamento onde todos os planetas estarão unidos nessa linha, tendo problemas ou não.

Portal dimensional - Eu tenho um portal. Onde está esse portal? Pontuado, somado, sobre o qual existe um segredo que deve ser todo explicado a partir do dia 31 de dezembro deste ano, a zero hora quando se dará o início da propagação do significado do portal e de outro projeto que está comigo no qual a soma, a matemática se formata através de uma estrela no centro do portal, com seis pontas e todos os detalhes repassados pelos seres intergalácticos.
Essas informações prossegue Savaris lhe são passadas desde criança, desde os seis anos de idade. O agricultor mantém segredo sobre os projetos que lhe foram confiados por esses visitantes provenientes segundo informa do planeta ‘Onris’, um local fora desse sistema solar. Perguntado sobre quem são os seus contatos disse se tratar do comandante Joel, Jordão e Madalena e ocorrem a qualquer momento, através de um chamado destacando que o silêncio da noite facilita em muito.

Materialização de naves - Com relação a materialização de naves, destaca que com frequência são vistas como sinais e as marcas em sua propriedade como já foi dito foram deixadas por uma nave. Tem muitas coisas acontecendo e muitas pessoas também enxergam.
Perguntado sobre aquela situação em que o homem quer realmente uma prova física. A hora desse contato está chegando? – Eles estão muito mais próximos, mais junto a nós do que todos possam imaginar. Eles já estão vivendo junto a nós. Têm um, porém: depende muito mais de nós do que deles para uma convivência harmoniosa porque nós não estamos aceitando.
O que falta, segundo o agricultor e é o principal de tudo é a confiança. A pessoa tem que partilhar não querer só para si próprio.

Rancho Grande – Ouro, SC - O porquê do portal em Rancho Grande, na sua propriedade? Existe uma canalização de energia e um portal depende de um local purificado através das orientações, seguindo as instruções aconteceu. A localização de sua propriedade no interior de Ouro também é estratégica no que se refere às condições do trabalho a ser desenvolvido em função das próprias condições de vida no planeta terra.

Energia - Savaris tem em suas mãos um projeto para construção de uma usina geradora de energia não poluente que segundo afirma lhe foi ditada em todos os detalhes para ser um dos meios que se um dia o petróleo e outras formas de combustível acabem, exista essa fonte geradora auxiliando a raça humana e principalmente não destruindo ainda mais a natureza e a própria vida no planeta.

11 de setembro - Savaris tem na sala de sua casa onde mora com sua esposa e filho um quadro que foi pintado antes do ataque às torres gêmeas e depois do ocorrido lhe foi revelado o que aconteceu nos Estados Unidos. Ele disse que não sabia de nada e com o tempo aconteceu toda aquela tragédia. Como eu saberia aqui no interior sobre algo que abalaria a segurança num dos principais países do mundo. Segundo relata, a informação que recebeu é para acompanhar os fatos no mundo e que no dia que aconteceu o ataque foi indicado que era isso. A pintura indica o caos e a luz.

Confira entrevista realizada em Rancho Grande, Ouro, SC:

Savaris qual sua informação sobre o alinhamento planetário e seus contatos? – Se o ser humano dentro dessa data se alinhar após o alinhamento planetário a convivência com eles é certa. Para um ser humano buscar essa sintonia deve deixar muito do passado para trás, olhar para frente. Nós somos herdeiros de coisas ruins que aconteceram e devemos esquecer essa herança, pois é necessário fazer melhor.

O que representa 21 de dezembro de 2012. É o fim? – É um simbolismo e vai acontecer o alinhamento, é uma data muito especial, mas fim de mundo não. A catástrofe, alguma coisa pode vir a acontecer dependendo de algo negativo existente, mas nada de fim de mundo.

Feliz daquele que acredita que quando chegar a hora, ele já tá preparado.
Alcindo Savaris
Diante todos os projetos, orientações que recebe, o que o senhor espera? – A melhora de tudo com uma credibilidade para o trabalho. O que eu preciso é de gente que venha a somar. Eu não estou trabalhando para mim. Claro, eu gosto de dinheiro do conforto, mas não tenho isso. Sempre trabalhei numa linha muito difícil sendo muitas vezes perseguido e não tendo ajuda. Ninguém me fez desistir porque eu tenho um objetivo e sei que só vou contribuir para fazer o bem para todo mundo.

O que falta para realizar o trabalho? Qual é esse trabalho? – Eu preciso de parceiros que contribua financeiramente para dividir e somar o que vai ajudar a circular no planeta. É sem sombra de dúvidas a maior fonte de energia já projetada e que ninguém construiu na terra. Tudo que está aqui não é sé meu, recebi as instruções, tenho o caminho, mas faltam os recursos para a realização.

Quanto à energia. O que deve ou será feito? – Essa forma de energia será alterada. O poder energético tem que ser mudado. A energia atômica é muito perigosa para o próprio planeta. O primeiro passo que temos que trabalhar é a mudança energética produzida com combustível nuclear é tão perigosa que ninguém imagina o quanto. Eu gostaria que fosse diferente e não dependesse de ninguém para a construção dessa usina. Por isso falo que quero fazer parceria, trabalho, não vou esconder nada de quem confiar nesse projeto todo documentado, registrado com confiança em quem quiser investir. É isso que falta. Recursos financeiros.

O que será construído? Qual a base do projeto? – Aqui é o portal de comunicação. Por exemplo: a raça humana precisa mudar tal objetivo, construir para continuar sobrevivendo e receber seu dinheiro para aplicar os recursos para um bem comum, não para poucos ou um só.  Tudo que vem de lá (de seus contatos de fora do planeta), orientação sobre saúde, educação e o maior dos objetivos a que se refere como sistema ambiental que foi e está sendo devorado pelo homem. No nosso país ainda podemos considerar as condições do meio ambiente, mas tem locais que não existe mais nada. Isso é preocupante e o povo vai pagar por isso.

Natureza está pedindo socorro? - A raça humana faz parte da natureza que está sim pedindo socorro sem perceber que está pedindo.

Haverá intervenção desses seres intergalácticos? – O que o meu portal vai gerar é toda orientação acima daquilo que já estamos fazendo hoje. É evolução e posicionamento correto, a pontuação exata do que deve ser feito e tudo estará representado nos quadros indicando os locais em que devem ser efetuadas as mudanças indicando o que deve ser feito e o porquê de tudo.

Como o ser humano irá se beneficiar desse projeto? – Em tudo. Não será mudado algo destruindo. Vamos mudar, fazer ela produzir melhor.

O que são esses gráficos e projetos? – São informações para depois da virada do ano em que tudo estará sendo concluída, toda orientação é baseada em informações que o mundo todo está focado em um quadro. Nas linhas desse projeto mostra uma pirâmide. Pirâmide não é brincadeira, não é uma indústria, mas detém um grande poder. Existem outras coisas que serão reveladas no tempo certo. 

O senhor fala em estrela e xis. O que é isso? – Minha estrela é montada no xis que tem um poder especial. Toda minha história é baseada e chegará o momento da revelação do significado desse símbolo, o xis e o que ele representa na verdade. Posso adiantar que é um dos símbolos mais poderosos que existem entre nós. Quando se fala em simbolismo, quando se fala em xis a pessoa deve saber que é um poder muito forte. Jamais um ser humano teve tanto poder de comunicação em toda história da raça humana. O seu significado será revelado dia 31 de dezembro à zero hora e tudo será esclarecido.

Alcindo Savaris: algum dia pensou em desistir diante das dificuldades encontradas na sua busca que já dura 50 anos? Se fosse por motivo de perseguições eu já teria desistido há muitos anos. Mas nada me faz desistir diante do que está para ser feito. Nada me faz parar.

‘Eles’ chegam de forma invisível. Existe a possibilidade de materialização. Está chegando a hora de uma apresentação física de seus contatos? – Assim que dermos o voto de confiança já existe até o portal o programa por onde tudo está sendo preparado, programado neste espaço com nossa responsabilidade. Eu vou divulgar e a raça humana confirmar; vamos trabalhar.

Nos dias atuais pode-se sentir o reflexo do que ocorre no planeta em função do próprio alinhamento previsto? – Sim. Acho que quem acompanha um pouco o sistema ambiental da vida o próprio jeito da vida percebe que lago está muito errado no planeta e a mudança deve ocorrer logo.

 
Como ocorre o contato com Onris?  – Comigo telepaticamente. Acredito que em janeiro pode ser dada a primeira entrevista interplanetária com sistema de canalização direta a partir de Onris. Embora demore algumas centenas de anos para termos essa comunicação direta, mas os primeiros passos podem ser dados.
 
O dia-a-dia da sua família na agricultura? – Vou fazendo meus ‘bicos’, produzimos leite, queijo vendemos, mas levamos nossa vida com bastante dificuldade.
O que podemos destacar é que o agricultor mantém sua crença no que se refere à missão que lhe foi incumbida por esses viajantes de outra galáxia e que até o momento não pode concretizar sua obra por falta de recursos financeiros. A materialização, a construção de uma usina geradora de energia para auxiliar no desenvolvimento futuro da raça humana, segundo ele próprio afirma.
Isso tudo é real? A humanidade está preparada para um contato efetivo ou caminhamos no sentido inverso na questão de vida fora do Planeta Terra.
Alcindo Savaris reside em Rancho Grande, Ouro, Santa Catarina e espera que logo possa ter os recursos necessários para realização desse projeto ambicioso.

CONFIRA A ENTREVISTA YOUTUBE: