sexta-feira, 13 de maio de 2016

Documentário Círculos em breve no History Channel

Em breve no canal History, uma produção que traz os sinais dos trigais de Ipuaçu. 
Aproveito para acrescentar, que temos diante de nós uma grande oportunidade de mudança. Crenças se vão, se formos analisar de perto o que está ocorrendo. 
De fato, Ipuaçu, aqui no Oeste de Santa Catarina entrou no debate ufológico mundial em 2008, desde então se repete a cada ano. São novas imagens, indícios da presença de seres inteligentes, evoluídos que através dessas 'impressões', materializadas no trigo, nos apresentam suas mensagens de harmonia e paz. Acredito que são sinais de entidades de luz que representam alguma confederação, ou espécie de extraterrestres que nos acompanham, vejam bem, nos acompanham para que sigamos nossa vida, nossa existência, apesar de tanta corrupção e ódio que reinam ao nosso lado.
Como diz aquele ditado: "água mole em pedra dura, tanto bate até que fura", insisto em dizer que, os autores dessas imagens, algumas maiores que um campo de futebol, estão mais próximos do que possamos imaginar. Deveríamos olhar mais para o 'alto', para as estrelas, em muitas oportunidades 'elas' tem aqueles momentos em que falam conosco, nos transmitem um breve sinal.
E Ipuaçu, uma vez ao ano, e isso; percebi que as pessoas não entendem. Porque só uma vez e em Ipuaçu? - Respondo com outra pergunta:  se aparecesse todos os dias o que mudaria em sua vida? - Num período do ano surgem os sinais nas plantações para reafirmar o que já disse: "Não estamos sós".
http://www.redeoeste.com.br/site/
Temos que repetir, que diante de cada novo agroglifo, podemos fazer nossa própria análise, refletir silenciosamente, nos questionar sobre o que os Et's querem nos dizer com esses sinais. Assim, passa mais um ano, 365 dias para que busquemos em nós, em livros, publicações novas referências sobre o assunto, até na própria Bíblia, nos permitindo uma abertura de consciência, mental, para que nosso crescimento, nossa evolução também seja fato, como se sabe está acontecendo em todo Universo.
Temos que saber deixar de lado essa picuinhas do dia-a-dia, seja em nossa cidade, país ou mundo, nós somos um Universo e temos que aproveitar esse momento para entender que o planeta azul, o planeta Terra é mais um. Deus tem muitos, aliás u incontável número de "filhos" e um incontável número de lares (planetas) para abrigar esses filhos.
http://www.trigueirinho.org.br/web/php/livros.php
Na verdade não é como as agências governamentais fazem, escondem a verdade da humanidade. Passa do momento de entender que Colombo, Cabral e outros 'descobridores', navegaram oceanos por aqui. E as 'naves' que nos descobriram, porque não se fala delas?
Hoje, se houvesse algo parecido com o que a Bíblia se reporta ao fato de Noé ter construído uma arca para salvar espécies que habitam a Terra, como seria? 
Acho que num momento crítico de alguma explosão nuclear, muitos poderiam ser resgatados por naves, que já fi inclusive tema de uma publicação, chamada Nave de Noé.

____________________

Vamos ao Filme 'Círculos'
O filme é uma produção Novelo Filmes e terá sua pré-estreia no Fantaspoa (15/05). Em breve estará na grade do History Channel para todo o Brasil.
CÍRCULOS | documentário | longa-metragem | 2016

http://www.canetaspromocionais.com.br/
produzido por: Ana Paula Mendes, Cíntia Domit Bittar
dirigido por: Cíntia Domit Bittar
Em 2008, Ipuaçu amanheceu diferente. Estranhas formações circulares surgiram numa plantação de trigo da cidade de 7 mil habitantes, no interior de SC. Desde então, figuras com até 110 metros de diâmetro – os chamados “agroglifos” – surgem anualmente, sempre na mesma época, intrigando cientistas e moradores da região.
A foto que faz parte do cartaz é do Marcelo Adolfo Franzosi, um dos nossos personagens, e retrata o agroglifo de 2012.
+++ sobre a equipe:
produção executiva: Ana Paula Mendes
pesquisa e argumento: Cíntia Domit Bittar
música: Mateus Mira Bittencourt
fotografia e câmera: Marx Vamerlatti
câmera adicional: Cíntia Domit Bittar
timelapse: Hans Denis, Karem Kilim
op. de drone: Cauê Quadros, Ile Carlet Jr
coordenação de produção: Ana Paula Mendes
direção de produção: Luís Knihs
som direto: Gustavo Oliveira De Souza
som direto adicional: Ni Oliveira
montagem: Cíntia Domit Bittar
edição de som e mixagem: Mateus Mira Bittencourt
marcação de cor: Che Lucon
arte gráfica e finalização: Cíntia Domit Bittar
tipografia: Fernando Haro
consultoria de produção: Krishna Mahon, Yara Camargo
Apoio: Marc Films, Revista UFO.