domingo, 19 de junho de 2016

Primeira entrevista de Chico Xavier

Quando se fala em Chico Xavier, pensamos na morte e no contato com a vida além túmulo. Quem morre vai para onde? O que realmente acontece com a vida no além? O que dizer se ninguém voltou para contar como é do outro lado. Isso, ainda se houve muito.
Na verdade quando ocorre um desencarne, quando famílias, amigos, conhecidos velam um corpo, sentem e refletem sobre tudo. Como? Porque? Um vazio se instala momentaneamente. Após os procedimentos que levam o corpo ao seu 'descanso eterno', a vida volta ao normal. Cada um segue sua rotina, alguns sentem um pouco mais, mas o tempo se encarrega de aliviar.
E o que acontece do outro lado? Quem partiu, não levou malas, companhia nem suas posses. Geralmente não existe uma preparação para essa viagem de volta ao verdadeiro lar carregando as experiências terrenas em que se pesa o bem e o mal praticados. Cada um sabe de si. A 'balança' que registra o peso nessa passagem e a vida além, deve contar muito, pois o bem praticado é o alívio na morada espiritual. Quanto ao desligamento das coisas do dia a dia na terra a dor da separação com as coisas daqui, tudo enfim tem seu propósito de evolução. A humanidade terrena em sua grande maioria sequer crê na vida fora deste espaço.
Fica um questionamento e uma série de interrogações Chico já reencarnou? Onde estaria agora? deus em sua infinita bondade deve sim ter dado a Chico conviver com ela, sua mãe, a qual também o acompanhava da espiritualidade e que ele sentia muito sua falta.
De que adianta buscar provas físicas, evidências materiais sobre o próprio Deus, se não iremos encontrar nada, a não ser sua 'palavra', latente em nós. Sabemos que algo nos criou, mas o que e como? Existem muitas explicações, mas esse não é o ponto. Acreditar na vida, em sua força máxima, entre o céu e a terra é algo que já deveria ser normal, até ensinado ou debatido em tenra idade nos primeiros dias de idade escolar.
Imagine quantas lembranças poderiam ser trazidas a tona quando se percebe os pequeninos 'nós também passamos por isso', mas fomos cortados pois quem fala com o amigo oculto? Aquele anjo ou espírito que acompanha cada um se faz presente e batalha por nossa superação.
Vamos registrar hoje também,  a 1ª entrevista com Chico Xavier - 1968 na televisão brasileira, realizada em Uberaba - 02 de maio de 1968, por Saulo Gomes, um dos nomes mas importantes nas pesquisas e divulgação dos mistérios que envolvem não só a vida e morte, mas que nos fazem pensar sobre nossa própria origem além Terra. Pinga Fogo, aquele do Data Limite. Abaixo o vídeo e no aqui outras entrevistas com o médium e o trabalho de Saulo Gomes em seus 60 anos de jornalismo independente e investigativo. Parabéns Saulo e obrigado por compartilhar seus ensinamentos.
Também tem o famoso